• Luciana Gomes

O seu nome pode te trazer mais clientes/pacientes do que o seu melhor vendedor.




Eram 10h da manhã e lá estava ela. Estática, dura, olhando para a tela do computador. Ela sabia que precisava fazer algo.


Já tinham quase 20 dias que não chegava um email, whatsapp ou ligação de nenhum paciente interessado nos seus serviços. Isso era desesperador afinal, ela tinha contas para pagar, compromissos para honrar e ficar sem dinheiro era a pior sensação do mundo, mas mesmo assim, quando ela pensava em tomar qualquer atitude que tivesse a ver com vender algo, ela se paralisava. Tinha medo de parecer chata, invasiva, das pessoas não responderem ou pior, pensarem mal dela por ficar tentando “empurrar” os seus serviços.

Mas então o que fazer?


Ela estava ficando desesperada pois os clientes só faziam sumir, e ela odiava ficar “pedindo” indicações ou insistindo para ser contratada.


Então ela foi para a internet.


Achando que os seus problemas tinham acabado, começou a criar anúncios no Instagram divulgando os seus serviços, pagou no cartão, cruzou os dedos e... Nada.


Até chegavam algumas pessoas mas, nada que de fato tivesse potencial.


Ela já estava ficando desanimada até que viu um anúncio que dizia: venda sem precisar vender.


Como assim? Isso é possível?

Ela descobriu que sim.


Se lembrou de quando estava procurando um fotógrafo para o aniversário da sua filha. Ela acabou escolhendo alguém que já conhecia pelo nome nas redes sociais: que gostava do trabalho que via, dos valores e do estilo de vida e comunicação. Se lembrou também do quanto foi difícil negociar a data pois ele já estava lotado no dia do evento.


Descobriu que isto era a marca pessoal desse profissional trabalhando a favor do seu negócio. Ele não precisou ir atrás dela, ela comprou ELE, antes mesmo de comprar DELE.


Esse é o verdadeiro poder de uma marca pessoal atraente e dominante, ela faz todo o trabalho pesado de “vender” você, de mostrar para o mundo o quanto você é interessante e único, a sua parte é apenas garantir que mais e mais pessoas relevantes te encontrem, ou seja, se manter visível para quem interessa, o que é a parte mais fácil com todas as ilimitadas possibilidades da internet.


E foi assim que Ela, descobriu esse poder, passou a usá-lo no seu dia a dia, começou a atrair as pessoas da maneira certa e assim, vender todos os dias sem precisar vender.


Agora eu te pergunto, você já trabalhou a sua marca pessoal hoje? Já cuidou e deu atenção à sua melhor vendedora da vida?

Venha fazer parte do meu exército de profissionais liberais Imparáveis no Telegram, gente inquieta que quer mudar o mundo através do seu conhecimento, e ganhar muito dinheiro com isso. Insights sobre marca pessoal e venda online. Clica e entra gratuitamente.


Com muito amor e energia,


Luciana Gomes

Conteúdos que podem te interessar

Posts em breve
Fique ligado...

"Não que sejamos capazes, por nós, de pensar alguma coisa, como de nós mesmos; mas a nossa capacidade vem de Deus." (2 Co 3:5)

© 2020 ENCOM ESCOLA DE NEGÓCIOS EM COMUNICAÇÃO E MARKETING. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.